The behavior of the current real estate sector is a reflection of the economic situation and the internal dynamics of the consumer market, which has suffered the consequences of the downturn since 2014. In order to better understand this context, this study aimed to study the historical series of real estate market performance in Fortaleza in the last 36 months, as well as to understand the results obtained from the tabulations of these data. The information presented shows that, although there is still a timid resumption of the market, the decision for the development of new ventures has shown growth. However, the decision must be based on a market study that allows entrepreneurs to obtain greater assertiveness in the return of these investments. The better understanding of constructive characteristics, such as: building typology, unit area and location, as well as the speed of sale, can contribute to the identification of the most appropriate time to invest, being a fundamental factor in the mitigation of risks, taking into account long-term return on investment. The understanding of the seasonality of the market, through analysis of the time series that generate the market trends, allows the development of better future scenarios, thus allowing to adopt more conservative positions applied to new launches. From this perspective, a data base composed of 250 enterprises and 60 construction companies was studied and analyzed in the period from 2015 to 2017. As main results, it was observed the increase in distractions accompanied by the increase in real estate sales that the appreciation of the price of the square meter reduced real estate inventories, that smaller units had a higher selling speed and that there was an increase in demand in peripheral areas to the most valued areas. Based on this information, the developers will be able to make better decisions about what features the new releases should have.

O comportamento do setor imobiliário atual é reflexo da conjuntura econômica e da dinâmica interna do mercado consumidor, que vem sofrendo as consequências da retração desde 2014. Buscando compreender melhor esse contexto, este trabalho teve como objetivo estudar as séries históricas de desempenho do mercado imobiliário em Fortaleza nos últimos 36 meses, assim como compreender os resultados obtidos a partir das tabulações desses dados. As informações apresentadas mostram que embora haja uma retomada ainda tímida do mercado, a decisão para o desenvolvimento de novos empreendimentos tem apresentado crescimento. Todavia, a decisão deve ser fundamentada em estudo de mercado que permita aos empreendedores obter uma maior assertividade no retorno desses investimentos. Buscar entender melhor as características construtivas, tais como: tipologia da edificação, área da unidade e localização, assim como a velocidade de venda, podem contribuir na identificação do momento mais adequado de se investir, sendo um fator fundamental na mitigação de riscos, tendo em vista o retorno de longo prazo do investimento. A compreensão da sazonalidade do mercado, por meio de análise das séries temporais que são geradoras das tendências de mercado, possibilita o desenvolvimento de melhores cenários futuros, propiciando, assim, adotar posturas mais conservadoras aplicadas aos novos lançamentos. Nessa perspectiva, foi estudada e analisada uma base de dados composta de 250 empreendimentos e 60 construtoras no período de 2015 a 2017. Como principais resultados observou-se o aumento dos distratos acompanha o aumento das vendas dos imóveis que a valorização do preço do metro quadrado reduziu os estoques de imóveis, que as unidades com dimensões menores apresentaram uma maior velocidade de venda e que houve um aumento da procura em áreas periféricas às áreas mais valorizadas. Com base nessas informações, os incorporadores poderão tomar melhores decisões sobre que características os novos lançamentos devem possuir.