The paper addresses the relation between shopping centers and urban spatial structure. It analyses the impacts of those equipments on spatial structuring of the urban space. The study assumes that those changes take place in different spatial scales: global and local, and in different time frames: short and long term.

Iguatemi Shopping Center, in Porto Alegre, RS, Brazil, is presented as empirical case. The paper initially focuses on its neighborhood’s immediate transformations, considering land prices, levels of personal wealth, accessibility, land use and real estate. After that, it is focused the long term changes, such as local real estate and changes occurred on the shopping center business itself. Finally, this process is discussed in terms of global spatial structuring of Porto Alegre, addressing the impacts on retail polarization and urban growth.

O trabalho aborda a relação entre o shopping center e a estrutura espacial urbana. Seu objetivo é analisar os impactos provocados por aqueles equipamentos comerciais no processo de estruturação espacial da cidade onde se inserem. A análise desse processo de mudanças parte do pressuposto de que as alterações que emergem a partir da implantação de shopping centers, ocorrem em diferentes escalas espaciais: local e global, e em diferentes temporalidades: de curto e mais longo prazos. O trabalho se desenvolve a partir da análise de um caso específico: o Shopping Center Iguatemi em Porto Alegre, RS. Inicialmente são apresentadas alterações de curto e médio prazos ocorridas no seu entorno, abordando aspectos como a valorização imobiliária, perfil sócio-econômico da população, acessibilidade, uso do solo e mercado imobiliário. Na seqüência, procura-se compreender a dinâmica dessas transformações em termos de mudanças de mais longo prazo, enfocando o mercado imobiliário local e considerando também as readequações que o próprio empreendimento shopping center realizou na sua estrutura ao longo do tempo.

Finalizando, procura-se discutir o significado desse processo em termos da estruturação espacial urbana global de Porto Alegre, analisando impactos na estrutura de polarização comercial e no próprio direcionamento do crescimento urbano.