The architectural design phase influences the construction phase and is responsible for dictating the project cost through the choice of building materials, finishes, square footage, and shape. Although the architecture design phase is of paramount importance for the success of design, few architecture firms are concerned about controlling the quality of their production process. The diversity of the agents involved during the design process is one of the difficulties faced by local architecture firms while trying to control the quality of their work. In order to obtain these improvements, it is necessary to make these firms aware of the need to have their projects managed according to measurable quality guidelines, and the importance of obtaining feedback from developers, builders and end-users throughout the entire development process. The goal of this thesis was to elaborate a diagnosis for the feedback process during the architecture design phase at architecture firms in the Federal District, Brazil. Based on case studies, the design management process in architecture firms was analyzed and confronted with the elements related to the quality of the project based on obtained feedback. The case studies showed that one of the problems faced by these firms in improving the quality of their project management guidelines is the deficiency during the conceptual and execution phase of these practices. We also analyzed the importance of key milestones within the design phase, e.g. schematic design and construction documents, as related to history quality measurements. Finally, we present a methodology for processing all the information obtained through feedback at the different stages of an architectural project.

Os produtos comercializados no mercado imobiliário, incluindo suas características, sua sustentabilidade e sua durabilidade, são definidos nos projetos de arquitetura. A qualidade do processo de produção de projetos interfere na qualidade do produto final. Apesar da importância da fase de projeto de arquitetura para o sucesso do empreendimento, ainda são poucas as empresas que se preocupam em controlar a qualidade de seu processo de produção, resultando em projetos com imprecisão e incompatibilização de informações, que resultam em soluções improvisadas durante a obra, comprometendo a qualidade do produto construído. Para obter melhorias, necessita-se criar consciência nessas empresas sobre a importância de terem seus processos de projeto gerenciados com qualidade, e do valor das informações oriundas de empreendedor, construtor e usuário para a retroalimentação do processo na busca dessa qualidade. Este trabalho elaborou diagnóstico da retroalimentação do processo de projeto nos escritórios de Arquitetura no DF com base em estudos das fases do projeto, sua importância para o empreendimento, seu histórico de qualidade e seus aspectos relacionados à qualidade do projeto e aos mecanismos de retroalimentação. Foram desenvolvidos estudos de casos que possibilitaram diagnosticar que uma das principais dificuldades para a melhoria do processo de projeto reside na deficiência da retroalimentação no seu processo de produção, da concepção à ocupação. Elaborou-se roteiro de sistematização das informações ao longo do processo de projeto, obtidos pela retroalimentação, como ferramenta de fortalecimento do sistema de aprendizado de empresas de arquitetura locais.